Clube da Jardinagem

Por: Floraweb Dentre os muitos objetos e ícones que representam o Natal, existe um que é muito lembrado e que poucos sabem o nome: a Poinsétia. Sabe o que é? É a flor símbolo do Natal! Aquela com folhas verdes e vermelhas, com pequenas flores brancas, encontrada em muitos arranjos, guirlandas e enfeites de árvore durante o final do ano. A Poinsétia, flor símbolo do Natal, é originária do México e é mais conhecida nessas variações de cores, mas ela também pode ser encontrada em tons de rosa, salmão, creme e até mesmo amarelo. Aqui no Brasil, é mais conhecida como Bico-de-Papagaio. Preparamos esse post para explicar a origem da flor e ensinar os principais cuidados para quem deseja plantá-la e colorir o jardim de vermelho e verde. Confira! Por que a Poinsétia é a flor(..) Continuar lendo

Por Renato Duarte Plantier

A água é essencial para a vida da planta. Para sobreviver, necessitam H2O, bem como de nutrientes, que são absorvidos por raízes a partir do solo. As plantas são compostas de 90 por cento de água, transportada em toda a estrutura quase de maneira contínua para manter os processos vitais de trabalho. Sistema de Raiz Raízes absorvem água do solo, o qual é então transportado através da planta. Muita quantidade fica absorvida através dos pelos radiculares, que são pequenas radículas quê penetram no solo em torno das raízes e aumentar a área das suas superfícies. A água é solvente que se move minerais do solo para cima através da planta. Como terra seca o crescimento da raiz diminui, ao passo que no caso do excesso elas podem(..) Continuar lendo

Primavera, tempo bom, céu azul, árvores carregadas de frutas gostosas (pitanga, amora, jabuticaba, goiaba) que a gente pode comer no pé, se estiver no interior ou no litoral. Nas cidades, aproveite a safra e compre mais barato o que está naturalmente maduro - as frutas, verduras e legumes da estação.

Frutas de outubro Outubro é mês de frutas saborosas e coloridas, uma grande variedade à sua disposição tanto nas feiras como nos supermercados bem abastecidos. Aproveite para encher a cara de: Jabuticaba Pitanga Amora Goiaba Maracujá Abacate Abacaxi e bananas Maçã e nanica Tangerinas Cravo e poncã Uvas de mesa Fruta de montão (..) Continuar lendo

As queimadas são processos que podem ser desencadeados com ou sem o auxílio da atividade humana, devido a razões naturais – como estiagem, temperatura, umidade relativa do ar comprometida, ausência de chuva – ou por motivos econômicos. Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o Brasil é o líder entre os países da América Latina em focos de queimadas, que concentram-se nas regiões Centro-Oeste, Norte e em algumas partes da região Nordeste. Os impactos negativos causados em todo o planeta envolvem mudanças climáticas, aumento do aquecimento global, prejuízos à biodiversidade e à dinâmica dos ecossistemas, bem como a diversos tipos de agricultura. As principais causas das queimadas no Brasil estão relacionadas a casos simples como a limpeza mais rápida ou renovação(..) Continuar lendo

Por: Amanda Cruz

Falar com as plantas? Borboletas gostam de ervas daninha? Tomates doces com bicarbonato de sódio? Sim, o seu jardim pode ser bem misterioso e cheio de surpresas. Abaixo, desvendamos oito delas 1. Terra povoada Segundo um estudo feito pela Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, o número de microorganismos em uma única colher de chá de terra do que a população total do planeta. E, por mais que isso te dê arrepios, são esses seres microscópicos que enchem o solo de nutrientes e ajudam as plantas a crescerem. 2. Plantas respondem aos sons Não é coisa de maluco, conversar com as plantas pode afetar positivamente as suas espécies. Estudos mostraram que a vibração dos sons (como uma música ou a sua própria voz) podem influenciar o crescimento da planta.(..) Continuar lendo