Clube da Jardinagem

Por Flávia Bezerra Mais de 1,5 milhão de brasileiros foram diagnosticados com o problema no em 2015. A maioria dos mosquitos tem foco domiciliar, ou seja, se reproduz no jardim e passa a viver no interior de casa Febre alta, enjoo, manchas vermelhas pelo corpo e dores nas juntas, cabeça e olhos. Em 2015, 1.649.008 brasileiros sofreram esses sintomas e foram diagnosticados com dengue, segundo o boletim epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde. Os números colocam o Brasil em estado de epidemia da doença. A região Sudeste concentrou 62,2% (1.026.226) do total de casos, seguida pelas regiões Nordeste, que teve 18,9% (311.519 casos) das ocorrências, e Centro-Oeste, com 13,4% (220.966 casos). Se você tem jardim, ou cultiva plantas em casa, deve ficar ainda mais atento aos riscos de proliferação(..) Continuar lendo

A bióloga Alessandra Laranja, do Instituto de Biociências da UNESP (Campus de São José do Rio Preto), durante a pesquisa de sua dissertação de mestrado, descobriu que a borra de café produz um efeito que bloqueia a postura e o desenvolvimento dos ovos do Aedes aegypti. O processo, ao que parece, é extremamente simples e indicado especialmente para quem gosta de cultivar plantas em vasos: basta colocar borra de café nos pratinhos de coleta de água dos vasos, no prato dos xaxins e dentro das rosetas das bromélias. Conforme explicações da bióloga, 500 microgramas de cafeína da borra de café por mililitro de água bloqueia o desenvolvimento da larva no segundo de seus quatro estágios e reduz o tempo de vida dos mosquitos adultos. A pesquisa com a borra de café foi inspirada num estudo anterior, com moscas drosófilas(..) Continuar lendo